Segunda-feira, 9 de Junho de 2008

Na hora da minha morte

 

Eram 6h da tarde, a chuva caía e tudo me fazia lembrar de ti!.

Um relâmpago clareou o meu quarto e  fez-me lembrar dos teus lindos olhos.

Fui ate a janela e vi os pingos de chuva a correr sobre as ruas, assim como as lágrimas corriam sobre a minha face.

Deitei-me e cheguei à conclusão de que teria de te esquecer. Mas Como? Com que forças? Perguntas que só tu poderias responder-me... O telefone tocou, fui atender.

A voz era idêntica à tua. Eu tremia. Que pena! Não eras tu! Era engano meu. Senti a necessidade de sair e deixar a chuva cair sobre o  meu rosto. Andei muito.

Der repente, vi-te com outra!! Acenas-te eu já não tinha mais forças para caminhar.

Agora a chuva já se misturava com as minhas lágrimas pois eu sofria muito em ver-te com outra bem ali na minha frente..

Tive vontade de me jogar debaixo de um carro e assim fiz! Estendida no chão, vi muitas pessoas ao meu redor.

E vi-te também a ti, correndo para me ver morrer.

As últimas e mais bonitas palavras que eu queria ouvir, tu não me tinhas  dito..

Vi que choravas.- Por que fizeste isso?

E agora, o que vai ser de mim sem ti?

Amo-te dizes-me tu!!!

Era tarde demais para dizer isso, mas de qualquer forma, só me resta agradecer por me teres feito feliz ao menos uma vez na vida:

Na hora da minha morte

(Obg Rui)

escrito por Divine às 14:18

link do post | diz.. | já disse... (6) | se gostas adicionar
eXTReMe Tracker

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.sonhos e fragrâncias

. Na hora da minha morte

.suaves aromas

. Abril 2014

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.divinos

. É A HORA DE LIBERTARES A...

.links

.últ. comentários

Estive no Canadá e em alguns países da África. O m...
Mulher maduraIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
O maior elogio ao autor é dar-lhe o crédito de aut...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
Por favor, conte-me quanto dinheiro já perdeu porq...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora) Esse ar puro ...
A autora de Mulher Madura sou eu: Ivone Boechat
Mulher madura Ivone Boechat Esse ar...
Meu texto MULHER MADURA aparece aqui com a assinat...
No seu perfil, você postou meu texto SOU MULHER na...

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds