Sexta-feira, 27 de Junho de 2008

Pecado

.....Hoje e só hoje...

...Porque me apetece um doce pecado..

 

 

tags: , , ,
escrito por Divine às 16:46

link do post | diz.. | já disse... (6) | se gostas adicionar

Desejo e paixão

Olhares que enfeitiçam
Pequenos gestos que seduzem...
Desejos em chamas,
Corpos inquietos
Em que as chamas dos desejos
Faz queimar em delírios.
Chamas da Paixão
Que brinca com a sedução,
E faz dos desejos
Detalhes principais
De momentos inesquecíveis.
Beijos já não são inocentes
São caminhos para o infinito,
Onde o prazer da paixão
Enlouquece o tempo.
Fantasias alucinantes
Que surpreendem a imaginação.
São momentos de murmúrios
Que desejos são os únicos alvos.
Paixão...
Algo incontrolável,
Sentimento que não há explicações,
Que pode passar ou marcar um destino.
Chamas de dois mundos
Transformando-se em um...
Chamas que ardem os sentidos,
Metamorfose de sentimentos
Causada por
Chamas da Paixão.
 

obrigado pp

escrito por Divine às 16:00

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar

Tímida

 

 

(Blue nude, por Picasso)

Sou tímida
E tantas vezes, as palavras não saem de minha boca
Pensei em escreve-las sem timidez, se são só palavras...

Falam de alegrias, tristezas, aparências, insistências, desdém...
Onde sussurro as minhas dores... E acendo amores
Falam de ternura, carinho e doçura, emoção e brandura
Palavras que me tocam que me enternecem por inteiro
Palavras que expressam a linguagem que fala o meu coração ...
Reflicto e  questiono
As doces palavras  fluem
Guardo em mim a visão dos meus olhos, nas minhas palavras...
Palavras que falam de ti que falam de mim que falam de nada..
Que me envolvem, me penetram...Rompendo a minha solidão...
Na imensidão desta emoção que me assalta constantemente...
Porque sinto e pressinto o que vou escrevendo...
Promovida e provocada essência, no pulsar do meu corpo...
Silêncio ofegante, emoções atordoantes
Estou entregue... Submissa ao vício  sedutor das palavras

Timidamente...

escrito por Divine às 11:07

link do post | diz.. | já disse... (4) | se gostas adicionar

Brisa

Hoje acordei cedo e abri a janela.
Sinto um frio estranho que se chama inquietação
Uma brisa graciosa, toca-me a face.
Brincou nos meus cabelos, depois aquietou-se.

O meu olhar sereno e triste denunciou-me
Era uma brisa diferente de todas as outras, que eu já conhecia.
Sinto a minha pele a ser beijada
Envolvo-me em cada beijo recebido
Beijos atrevidos, beijos molhados, lambidos, desinibidos
Será que foi só uma brisa, ou um momento real?
No ar sinto um perfume que exalava magia.
Uma leve fragrância presa não meus sentidos
Um perfume, ou uma doce quimera?
Devaneio? Ou realidade?
Atiro beijos que me são devolvidos...transfigurados
Invadindo o meu espaço
Aquele que ninguém invade e nem ousa invadir
A brisa dança na convencionalidade do tempo
Projecta-me na natureza acariciando-me
Estou acordada...
Ou num sono alterado em sonhos acelerados
Ah! Brisa danada...
Olho à minha volta
Lençóis amassados, roupa pelo chão...
Devaneio? Ou realidade?
Eu não sei dizer!
Mas tudo parecia tão real.
Ilusão? Imaginação?
Tudo tem uma razão!!!

 

tags: , , ,
escrito por Divine às 09:41

link do post | diz.. | já disse... (4) | se gostas adicionar
Quinta-feira, 26 de Junho de 2008

Desculpas

Pior do que pedir desculpas...é não se perceber porque é que se pede.

Sabes porque gosto de ti?
"Porque entre outras tantas coisas me dás uma tranquilidade e uma paz..."
 

 

 

escrito por Divine às 23:01

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar

Lágrima

Lágrimas...
Marcam etapas da vida
Lágrimas que caem
Rolam no rosto
Lágrima pequena gota
Leve, lisa e límpida
Lágrimas podem ser mágoa,
Pode ser raiva, ou amor
E infinita saudade
O realizar de um sonho
Tristeza ou felicidade
Lágrimas …
No rosto rolam as lágrimas
Elas caem.. caem agora
Pode ser por tudo ou por nada
Lágrimas que se arrastam na pele
Uma rolou dos meus olhos
Outra do meu coração
Eu choro nem sei porque

 

 

 

escrito por Divine às 22:39

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar

Palavras

 

Há palavras que nos beijam
já escrevia o poeta
palavras já inventadas
um punhado de palavras
que nos vão tocando a alma
palavras pequenas
palavras apenas
pequenos momentos
palavras ao vento
que partem de mim
que chegam a ti
que roçam o rosto
que tocam a alma
são mais que palavras
apenas palavras
que saem de mim
 

escrito por Divine às 16:33

link do post | diz.. | já disse... (4) | se gostas adicionar

Convido-te

 

Para um um chá meu amor
que pode ser de menta e framboesa
Onde nos vamos perder no tempo
seremos só tu e eu...
ou apenas eu!
Ouço a tua voz….
sem a ouvir!
Sinto a tua respiração…
sem a sentir!
Beijo os teus lábios…
sem os beijar!
Cheiro a tua pele…
sem a cheirar!
Abraço-te apaixonadamente…
sem te abraçar!
Perco-me em ti…
sem… Não!
Simplesmente me perco em ti
… e ….é… em ti que me reencontro.

 

adaptado do livro "Mails 4 You" de Elfi Kaut

escrito por Divine às 15:30

link do post | diz.. | se gostas adicionar

Coincidências

( Pensativa tela de Sima Woiler)

Tens razão, quem tem paixão , escreve a voz do coração.
Palavras soltas daqui e dali que aos poucos vamos juntando.
Torna-se maior do que tudo querer entender a razão ...
Ó é tão absurdo..
Ninguém muda o vento nem altera o seu caminho.
É como o próprio destino que não pode ser mudado.
Se paro para pensar... e se foi planeado..?
Se me  pergunto porque...
Mas existiram respostas?
Coincidências não bastam para  tentar explicar.
Talvez  seja um, apenas mais um...
De tantos erros  da minha imaginação
Coincidências não bastam...
Nem o tempo a pagou esta estranha sensação ...

Uma estranha obsessão um sentir " familiar"
E o meu erro é pensar  que sou capaz de escrutinar

 

 

escrito por Divine às 14:46

link do post | diz.. | já disse... (8) | se gostas adicionar
Quarta-feira, 25 de Junho de 2008

Barco

Sou um barco há deriva
sem remos nem leme
ao sabor do vento
e de outras mares
o vento que sopra
do sul e do norte
enfrento tempestades
e dias de sol
nas água serenas
nas águas revoltas
sou como um barco
perdido nos mares

procuro o caminho
para me encontrar

tags: , , ,
eXTReMe Tracker

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.sonhos e fragrâncias

. A escolha é sua

. Quando se revela

. Voltaste

. Voltar

. Hoje

. Questão de gosto!

. És uma lição de vida

. Passos

. Caminhos

. Desejo

.suaves aromas

. Abril 2014

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.divinos

. É A HORA DE LIBERTARES A...

.links


.últ. comentários

Estive no Canadá e em alguns países da África. O m...
Mulher maduraIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
O maior elogio ao autor é dar-lhe o crédito de aut...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
Por favor, conte-me quanto dinheiro já perdeu porq...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora) Esse ar puro ...
A autora de Mulher Madura sou eu: Ivone Boechat
Mulher madura Ivone Boechat Esse ar...
Meu texto MULHER MADURA aparece aqui com a assinat...
No seu perfil, você postou meu texto SOU MULHER na...

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds