Terça-feira, 11 de Agosto de 2009

Não sei o que aqui escrever…

…e o que quer que fosse que daqui saísse não seria nada de novo… por isso ,não se espere muito por aqui nos próximos dias….

 

 

escrito por Divine às 15:35

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|

Palavras

Palavras são emoções desencadeiam paixões
Raiva, cólera, amor, carinho, ódio…
As palavras têm o poder de nós dar felicidade ou paralisar
Palavras ou falta delas..
Suaves ou rudes, ninguém vivem sem palavras
Tem um toque que arrepia, são pedaços de poesia
Num livro num jornal ou num folheto ou ditas.
Escritas ou pensadas, em voz alta ou murmuradas
Palavras são ervas daninhas que minam as nossas vidas
Completam, o nosso subconsciente
Palavras ou falta delas..
Palavras acarretam força, uma força que pode surgir do nada
Sai do coração cresce com a razão e faz a comunicação
A palavra cresce lambida pelos sentimentos
Arrepia os sentidos, tacto, olfacto, visão
Palavras ditas com um olhar…
Palavras ou falta delas..
Não tenho nada para dizer..
Hoje faltam-me as palavras ..
 

escrito por Divine às 15:14

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|
Sexta-feira, 7 de Agosto de 2009

Medo

O silêncio cúmplice dos nossos momentos
O momento silencioso onde fala a alma
Fala de medos, injustiça e fraqueza, sofrimento
Medos que reconhecemos como fraqueza não cobardia
Eu também tenho medo sem omissão da palavra
Palavras que as vezes são inúteis,
Os nossos silêncios dizem tanto..
Abraço-te sem esperar palavras inúteis..
Não há necessidade de falar por falar..
Numa ligação umbilical
Os nossos medos humildemente assumidos
Juntos, o silêncio cúmplice do coração que fala
É a sabedoria do mistério de nos entendermos
Para sempre é muito tempo (entre nós não existe tempo)

tags: , , ,
escrito por Divine às 21:03

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|
Quinta-feira, 6 de Agosto de 2009

Se....

 

Se o....

Sexo com amor...tem mais magia e fantasia…
Sexo sem amor é desejo e imaginação…
O importante é amar…
Amar sem preconceitos porque amar é uma arte
Amar descaradamente…
Loucamente …
Com mais ou menos roupas, pelo chão...
A sonhar ou acordado …
Com mais ou menos sexo …
Com desejo ou simplesmente platónico..…
As claras ou as escondidas…
Proibido ou não …
A chorar ou a sorrir…
Com mais ou menos tacto, pele, paladar, cheiro…
O amor é a linguagem universal…
O amor é um jogo sem regras sem juiz ou juízos …
Amar sem preconceitos…..
O importante é ter alguém para amar....
E que bom que é amar e ser amado...
Se ….
“Amor é prosa Sexo é poesia”
 

 

escrito por Divine às 22:12

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|

Eu sei…

 Eu sei…
Sei que posso
Fazer as malas e viajar …
Viajar nas palavras
Perder-me nos sonhos
Nas minhas fantasias.
Brincar de fazer amor,
Juntar letras, inventar poesias.
Rimar o tu e eu..
Tu estás sempre lá..
No fim desta minha utopia.
Os teus olhos encontram os meus
O teu corpo o meu corpo,
Perco-me nos teus abraços
Num sonho só meu 
 Eu sei…

 

 

tags: , , ,
escrito por Divine às 21:35

link do post | diz.. | já disse... (5) | se gostas adicionar
|
Quarta-feira, 5 de Agosto de 2009

Falar de amor


Ridículo não é falar de amor, ridículo é não saber amar…
e neste instante penso em ti e surpreende-me o tempo
o tempo é uma coisa de adultos, gente “grande”
o tempo também é nosso
é tão fácil fechar os olhos e voltar atrás no tempo
pequenas e suaves, cheias de vida, com um abraço meigo e carinho
um brilho no olhar que pareciam estrelas sempre dispostas a brilhar
cada sorriso teu (é) era um novo amanhecer, um dia de sol
comecei a amar-te muito antes de ter “ter”
tu és a face do mais puro e verdadeiro amor
amo-te, é incontestável que sou mais feliz por te amar
sou dependente do teu amor, porque não dize-lo
sou enfeitiçada pelo teu sorriso,
que  tem um brilho que invade a minha alma
rebeldes e ondulados eu amo os teus cabelos ,
que as vezes lembram um mar revolto
teimoso, com uma firmeza quase férrea
desavenças e brigas também as temos
insuportavelmente irritante e quase me perco nesse instante
mas o tempo é coisa de adultos, gente “grande"
hoje, o meu amor é também de admiração e ternura
amo-te e respeito-te como és, meu semelhante
companheiro, cúmplice e amigo
na vida, nada acontecer por acaso
muito menos este nosso encontro
obrigado por seres quem és,
filho.
 
 

 

escrito por Divine às 21:45

link do post | diz.. | já disse... (17) | se gostas adicionar
|

Amo-te quando não te amo

Eu tentei analisa ver se encontrava lógica
Olhei e voltei a olhar, imaginei situações
Pensei nos prós e nos contras no ter e no perder
Pensei em ti , em nós, imaginei o amor
Peguei papel e caneta, cruzei letras fiz palavras
Palavras que têm asas , silêncios com muitos sons
Parei para analisar o amor por vários ângulos 
Quente  como o fogo, tórrido como o sol de verão 
Gélido como as mais longas e frias noite do deserto
Saberás tu que te amo e não te amo…
Que o amor é isto, um querer sem querer
Um desejo de ter ..
O meu amor é assim, como um destino incerto
Um amor que analisei por te amar
Por isso amo-te quando não te amo
E por isso amo-te quando te amo.
 

tags: , ,
escrito por Divine às 10:45

link do post | diz.. | já disse... (10) | se gostas adicionar
|
Terça-feira, 4 de Agosto de 2009

Loucos

 

Loucos não somos  todos..
Inventores da nossa própria loucura
Loucura sem maldade
Insanos saudáveis
O que seria a vida sem um pouco de loucura…
Será que há maldade na loucura?
Não serão os lúcidos maldosamente realistas?
Parcos moralistas dos bons costumes
Convencionam padrões de violência e guerra
Lucidamente convencionais…
A vida sem loucura…seria tão triste..
Loucos de nós com uma loucura sã
Com uma louca paz
Com uma louca alegria de viver
E amar loucamente 
Loucos não somos todos..
Tenho pena dos lúcidos..

tags: , , ,
escrito por Divine às 10:01

link do post | diz.. | já disse... (1) | se gostas adicionar
|
Segunda-feira, 3 de Agosto de 2009

Um livro

 

O meu corpo é um livro com rascunhos de momentos 
Cada letra escrita, cada palavras trocada ,fica escrita em mim
Um livro onde te perdes e, me fazes perder
Perde-se o teu olhar no meu corpo solto na cama
A vibração intensa de nos descobrirmos em novos caminhos
O caminhos que nos fazem vibrar e perder
Numa descoberta sem querer de tanto te querer
Não durmo mas tenho sonhos e desejas de te ter
Ter-te aqui e, juntos escrevemos mais uma pagina ..
De momentos vividos e gravados em mim

Numa insana escrita feita de mim e de ti..

 

 

escrito por Divine às 22:18

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|
Domingo, 2 de Agosto de 2009

Diz-me ..

Diz-me agora
Que o amor que sentes por mim não tem fim
Que as promessas e os beijos os vão sentir a minha pele
Diz-me que a distância são compassos de espera
Diz-me que não me deixarás sem ti
Diz-me por favor que virás
Tu conheces-me como ninguém
Sabes de cor, desperta a essência dos meus sentidos
Acendes uma fogueira de paixão que o meu corpo tão bem conhece
Tu és a verdadeira a essência de mim
Diz-me agora …
Que o amor que sentes por mim não tem fim
 

tags: , , ,
escrito por Divine às 22:52

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|
eXTReMe Tracker

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.sonhos e fragrâncias

. A escolha é sua

. Quando se revela

. Voltaste

. Voltar

. Hoje

. Questão de gosto!

. És uma lição de vida

. Passos

. Caminhos

. Desejo

.suaves aromas

. Abril 2014

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.divinos

. É A HORA DE LIBERTARES A...

.links


.últ. comentários

Mulher maduraIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
O maior elogio ao autor é dar-lhe o crédito de aut...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
Por favor, conte-me quanto dinheiro já perdeu porq...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora) Esse ar puro ...
A autora de Mulher Madura sou eu: Ivone Boechat
Mulher madura Ivone Boechat Esse ar...
Meu texto MULHER MADURA aparece aqui com a assinat...
No seu perfil, você postou meu texto SOU MULHER na...
Você postou meu texto SOU MULHER como anônimo no s...

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds