Terça-feira, 30 de Junho de 2009

Gostas de mim?

 

- Gostas de mim?
- Gosto.
- Gostas como?
- Gosto de estar contigo. De falar contigo.
- Queres namorar?
- Não.
- Porquê?
- Porque já não ia ser igual.
- Igual?
- Sim. Igual ao que temos agora.
- Porquê?
- Porque o princípio é sempre a parte melhor.
- Queres ficar sempre no princípio?
- Se for possível...
- Então, não queres ter ninguém para sempre...
- Talvez não.
- És complicada.
- Se não namorar sou menos.
- Tens medo que eu não goste da tua complicação?
- Tenho a certeza que não vais gostar.
- Como é que sabes?
- Porque acho que conheço alguma coisa das pessoas.
- Achas?
- Talvez.
- E do amor?
- Conheço pouco.
- Então, também não podes conhecer muito das pessoas.
- Talvez tenhas razão, mas não me apetece discutir isso agora.
- Então o que queres discutir?
- Nada. Só ficar assim a olhar para quem passa e falar de banalidades.
- Queres falar de banalidades para sempre?
- Não. Podemos falar de assuntos importantes, desde que não seja sobre nós.
- Assim não vão ser importantes.
- Para ti é essencial falar de nós?
- É.
- Para quê?
- Porque gosto de ti. Achas pouco?
- Acho muito. Por isso não vamos deitar tudo a perder.
- A perder?
- Sim. Se começamos a falar de nós fica tudo complicado e os problemas aparecem.
- Problemas como?
- Vais querer saber como foi a minha vida. Vamos cobrar um ao outro. Vais querer fazer amor comigo só porque achas que tens direito.
- Direito? Só fazemos amor se quiseres!
- Mentira. Só dizes isso porque estás muito romântico agora, mas depois... Depois vais começar a tocar-me, a sentir desejo...
- E então?
- Então? Então eu vou sentir-me na obrigação de fazer amor contigo para que não me aches esquisita.
- Tu fazes amor para que não te achem esquisita?
- Faço amor para me acharem normal. Dá-me um cigarro.
- Estás nervosa?
- Sim. Estou a fazer um esforço por ser sincera e não estou habituada.

 

Existem livros que por acaso nos vêm ter ás mãos  e ..

“Tanto que eu não te disse”

Marta Gautier

escrito por Divine às 17:32

link do post | diz.. | já disse... (6) | se gostas adicionar
|
Sábado, 27 de Junho de 2009

Sonho

Abro a janela dos sonhos
Que me transportam longe
A um universo só meu
Nas asas do sonho voo alto
Deixo-me levar em magias e delírios
Acredito no Amor
E em tudo que possa amar
Sonho d'ele nunca acordar

 

tags: , , ,
escrito por Divine às 23:26

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|
Sexta-feira, 26 de Junho de 2009

Eternamente

O sitio lugar o tempo
não importa, nem dia  ou hora
é um instante um momento
olhares se encontram
bocas que se tocam
corpos  completamente inebriados
espíritos  que se reconhecerão
no  reconhecimento do amor
nas subtilezas e incertezas
um instante de certezas
de um amor eternamente vivido  

escrito por Divine às 22:18

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|

....

hoje roubei todas as rosas dos jardins
e cheguei ao pé de ti
de mãos vazias.
 

 

Eugenio de Andrade

tags: , ,
escrito por Divine às 17:20

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|

Não importa

Não Importa o quê …[Aconteça]

Não importa o quê eles nos digam,
Não importa o quê eles façam,
Não importa o que eles nos ensinem,
O que nós acreditamos é verdadeiro.

Não importa do que eles nos chamem,
De qualquer forma que eles ataquem,
Não importa onde eles nos levem,
Nós encontraremos o  nosso próprio caminho

Eu não posso negar o que acredito,
Eu não posso ser o que não sou.
Eu sei que amarei eternamente,
Eu sei, não importa o quê [aconteça]...

Se ao menos as  lágrimas fossem risos,
Se ao menos a noite fosse dia,
Se ao menos as palavras  fossem respondidas,
E  então eu te ouvisse dizer :

E eu te manterei  segura e firme
E protegida da chuva.
Não importa onde estejas ou se é  árido,
Um sonho está  a nascer


Não importa quem eles sigam,
Não importa quem eles liderem,
Não importa como eles nos julguem,
Eu serei todos de quem tu  precisas

Não importa se o sol não brilhar
Ou se os céus forem azuis,
Não importa qual seja o final,
Minha vida começou contigo


Eu não posso negar o que acredito,
Eu não posso ser o que não sou.
Eu sei, eu sei,
Eu sei que este amor é para sempre.
Isso é tudo que me  importa agora,
Não importa o quê [aconteça]...

Não, não importa,

 

(No Matter What ” alterado “)

escrito por Divine às 16:59

link do post | diz.. | já disse... (6) | se gostas adicionar
|
Quinta-feira, 25 de Junho de 2009

Nothing

Não me apetece nada, não quero nada
 muito menos dizer-te o que quer que seja
Há dias que a tua simples presença me incomoda
tolhes-me os movimentos como se me inibisses
Cobras, exiges, num controle mudo e silencioso
espaços e momentos de mim que não tenho
e não te quero dar
Momentos meus, alguns apenas momentos…
sonhos ou passagens da minha história
que não me apetece partilhar.
Apetece-me voar… sem palavras nem amarras
sem olhares de censura ou cobranças..
- Sim… - Não! -Talvez…
Chegamos aqui, invisíveis monossílabos..
chegamos ao fim da nossa história
Porque não me apetece nada, não quero nada
 muito menos dizer-te o que quer que seja
Há dias que a tua simples presença me incomoda

escrito por Divine às 16:35

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|
Terça-feira, 23 de Junho de 2009

Momentos

Water

Na vida existem momentos... mágicos raros, inesquecíveis, ou apenas momentos...

Momentos meus.

escrito por Divine às 22:08

link do post | diz.. | já disse... (2) | se gostas adicionar
|
Segunda-feira, 22 de Junho de 2009

Espelhos de nós

852

Todos os dias são iguais todos os dias me cruzo por ele
cumprimentamo-nos como velhos amigos já com historia
sorrio-lhe e ele silenciosamente devolve-me um sorriso cúmplice
sigo caminho, e ele ali fica como se me esperasse..
hoje, mais um dia igual a tantos outros,
mais um cumprimento mudo e cúmplice
Interroguei-o surpreendida com a falta do sorriso …
hoje, ele devolveu-me uma desconhecida ,

com novos traços no rosto.
traços desconhecidos traços novos, ligeiramente vincados,
opacos ,  mas praticamente iguais..
são tantas as  faces ,diferentes rostos  que se confundem
quantos posso   ter  eu ?
será que compreendo o que me tentam   dizer…
há sempre tantas para dizer  tantas que deixamos de fazer ..
ele, responde-me em silêncio,

num ligeiro esboço quase inaudível
vive o hoje, o tempo não espera por ninguém..

escrito por Divine às 21:11

link do post | diz.. | já disse... (5) | se gostas adicionar
|
Domingo, 21 de Junho de 2009

37 Graus

igor-sakharov.jpg

Onda de calor mantém-se nos próximos dias

Aconselha-se a ingestão de água ou de sumos de fruta natural sem açúcar mesmo sem sede, moderação do consumo de bebidas alcoólicas, refeições leves .

As roupas devem ser soltas e, de preferência, de algodão e devem evitar-se actividades que exijam esforço físico:)

 

tags: , , ,
escrito por Divine às 23:21

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|

Horas mortas

Cumplicidades, nas horas mortas de calor...........

Envolvida numa explosão de cores e sentimentos encontrados ao acaso

És o meu início perdido, depois de tantos fins, encontrei-te na cumplicidade de um silêncio prendi-me a ti, entre um sorriso e a doçura do um olhar, entre sonhos que tive, e cumplicidades encontradas no firmamento, entre a beleza solitária das horas mortas. E a força poderosa do calor
 

escrito por Divine às 18:17

link do post | diz.. | se gostas adicionar
|
eXTReMe Tracker

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.sonhos e fragrâncias

. A escolha é sua

. Quando se revela

. Voltaste

. Voltar

. Hoje

. Questão de gosto!

. És uma lição de vida

. Passos

. Caminhos

. Desejo

.suaves aromas

. Abril 2014

. Julho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.divinos

. É A HORA DE LIBERTARES A...

.links


.últ. comentários

Mulher maduraIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
O maior elogio ao autor é dar-lhe o crédito de aut...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora)Esse ar puro ox...
Por favor, conte-me quanto dinheiro já perdeu porq...
MULHER MADURAIvone Boechat (autora) Esse ar puro ...
A autora de Mulher Madura sou eu: Ivone Boechat
Mulher madura Ivone Boechat Esse ar...
Meu texto MULHER MADURA aparece aqui com a assinat...
No seu perfil, você postou meu texto SOU MULHER na...
Você postou meu texto SOU MULHER como anônimo no s...

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds